Life goes on...
sou anti-social, grossa na maioria das vezes e de vez em quando meiga. gosto do meu lado apaixonada, mas quase nunca aparece. e meu lado safada chega a me assustar, mas quem não tem? protetora e ciumenta ao extremo. tenho um gênio difícil e um temperamento forte. às vezes barraqueira, outras vezes calma até demais. dura como pedra e frágil como vidro. um poço de orgulho. e mais conhecida como a rainha dos dramas. é, essa sou eu. prazer. e sabe de uma coisa? ainda tem gente que gosta.





aquela mania contraditória de querer carinho o tempo todo e ao mesmo tempo odiar muito grude: tenho.








“E ninguém é eu. Ninguém é você. Esta é a solidão.”
Clarice Lispector   (via oxigenio-dapalavra)

“Sou mestre na arte de falar em silêncio.
Toda a minha vida falei calando-me
e vivi em mim mesmo tragédias inteiras
sem pronunciar uma palavra.”
Fiodor Dostoievski     (via oxigenio-dapalavra)

Por que não consigo ser como antes? Por que perdi tantas pessoas que amava? Por que só tenho sentido ódio de todos? Por que a vida ta fazendo acontecer tantas coisas ruins comigo? Sabe o que é pior? Não consigo achar respostas. Talvez a culpa seja minha, e tudo isso que esta acontecendo são apenas consequências.

— Bruna Oliveira


THEME